Noticias

Noticias --tu web--Nacional // Guinea EcuatorialCIUDADANOS POR LA INNOVACIÓN DE G.E.   
CIUDADANOS POR LA INNOVACIÓN DE G.E.


MENSAGEM DE BOAS-VINDAS DOS CIDADÃOS PELA INOVAÇÃO DA GUINÉ EQUATORIAL (C.I), AO SR. JORGE CARLOS FONSECA, PRESIDENTE DA REPÚBLICA DE CABO VERDE E ATUAL PRESIDENTE DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA (CPLP).


Caro Sr. Presidente:


Em nome dos militantes, de todas as estruturas dos Órgãos de Base, dos Representantes Distritais, Provinciais e Regionais; dos Coordenadores Gerais das Áreas Políticas, dos Órgãos Executivos Nacionais, dos membros da Sede Nacional do partido político Cidadãos para a Inovação da Guiné Equatorial (C.I.), e em meu próprio nome, como Líder Nacional e Fundador deste partido político C.I., desejo a Vossa Excelência, na minha qualidade de Líder Nacional e Fundador deste partido político C.I, Desejo sinceramente a Vossa Excelência uma excelente recepção e uma agradável estadia na nossa pátria, Guiné Equatorial, país irmão da República de Cabo Verde, todos do continente africano.


Sr. JORGE CARLOS FONSECA, Ciudadanos por la Innovacion de Guinea Ecuatorial (C.I.), o principal partido político da oposição neste país, após as últimas eleições, está mais uma vez satisfeito com a visita de Estado de Vossa Excelência ao nosso país, Guiné Equatorial, país membro da CPLP, organização política multilateral e internacional, a que Vossa Excelência preside com dignidade e responsabilidade, especialmente quando somos informados de que, antes de deixar o seu país, Vossa Excelência declarou à imprensa que se deslocava ao nosso país. Guiné Equatorial para, transcrevo textualmente "verificar o cumprimento do roteiro para a integração do país na organização, incluindo a abolição da pena de morte na Guiné Equatorial". O que posso dizer é que é uma fonte de satisfação neste momento ter um programa para a integração da Guiné Equatorial na CPLP. Um aspecto importante neste programa é a realização do progresso político da Guiné Equatorial, tendo em conta os princípios da CPLP, ou seja, no que diz respeito à pena de morte e aos direitos fundamentais", citação final. Estas são declarações políticas muito encorajadoras.


Por conseguinte, gostaria de aproveitar esta minha humilde e breve mensagem de boas-vindas para informar a Delegação da CPLP chefiada por Vossa Excelência que, o partido político Cidadãos pela Inovação da Guiné Equatorial (C.I. ), é uma vítima e um puro exemplo da falta de progresso político democrático e de respeito pelos direitos humanos aqui na Guiné Equatorial, um partido político que é hoje raptado e desqualificado, incapaz de agir no país devido a ordens arbitrárias e antidemocráticas do partido no poder PDGE, ordens que são executadas pelo poder judicial e pelo próprio Governo, em detrimento do Estado de direito. É um partido político que foi às eleições legislativas e municipais de 2017, a Junta Nacional Eleitoral reconheceu-lhe dois lugares, que foram confirmados pelo Tribunal Constitucional do país, no entanto, o Governo constituiu instituições monocolor (parlamento e governos municipais), sem admitir o C.I, É também importante dizer que este processo eleitoral político foi extremamente fraudulento sem respeitar as normas do sufrágio universal, e na mesma linha, é também importante dizer que o sistema judicial do país é altamente politizado, A sua independência não existe, especialmente quando se trata de membros de partidos políticos da oposição a que o regime chama radicais, pelo que os nossos direitos civis e políticos nunca são respeitados aqui na Guiné Equatorial, como exigido por este instrumento da ONU e pelos princípios da CPLP.


É bem conhecido que todos os países da CPLP abraçaram plenamente sistemas políticos democráticos, assegurando um pluralismo político inclusivo, com instituições estatais plurais e fortes, pelo que a Guiné Equatorial não deve ser a excepção a esta conduta política democrática enquanto país membro dessa organização.


Cidadãos pela Inovação (C.I. ), espera e defende que, nas deliberações finais, o Governo da Guiné Equatorial e a Delegação da CPLP, deixem clara à opinião pública a situação da falta de progresso democrático que a Guiné Equatorial sofre com a ilegalização dos partidos políticos, a não legalização dos partidos políticos que querem ser legalizados, a política de exclusão arbitrária dos partidos políticos e dos seus líderes das eleições, a ausência de uma Comissão Eleitoral Independente, a falta de uma Comissão Eleitoral Independente, a falta de uma Comissão Eleitoral Independente, a falta de uma Comissão Eleitoral Independente da Guiné Equatorial, a falta de uma Comissão Eleitoral Independente da Guiné Equatorial, e a falta de uma Comissão Eleitoral Independente da Guiné Equatorial, a ausência de uma Comissão Eleitoral Independente na Guiné Equatorial, conforme exigido pela Carta da União Africana, a não implementação no país do sistema de recenseamento eleitoral biométrico, bem como do boletim de voto único, para garantir processos eleitorais puramente democráticos na Guiné Equatorial, bem como a declaração do fim da perseguição política dos membros da oposição, um factor-chave para a contínua violação dos direitos dos cidadãos da Guiné Equatorial, país da CPLP que clama por LIBERDADE, JUSTIÇA E DEMOCRACIA REAL.


Não teria sido mau se Sua Excelência o Presidente da República de Cabo Verde e actual Presidente da CPLP tivesse recebido em audiência os membros da oposição real para ouvir de nós a situação política do país.


Finalmente, os Cidadãos pela Inovação da Guiné Equatorial esperam que a Delegação chefiada por Sua Excelência o Sr. JORGE CARLOS FONSECA, desfrute da hospitalidade que caracteriza o nosso povo.


Por favor aceite, S.E. Sr. JORGE CARLOS FONSECA, Presidente da República irmã de Cabo Verde e actual Presidente da CPLP, as garantias da minha maior consideração e afecto pessoal.


Malabo, 21 de Junho de 2021.


Gabriel Nsé Obiang Obono





por abamodjo, Lunes, 21 Junio 2021 16:28, Comentarios(0)
Comentarios


MKPNews ©2003-2008 mkportal.it
 


MKPortal C1.2.1 ©2003-2008 mkportal.it
Página generada en 0.01866 segundos con 20 preguntas